Agroanalysis - A Revista de Agronegócio da FGV

Frases & Comentários

Setembro de 2016

"A nova política nacional para o sistema de defensivos agrícolas deverá privilegiar a transparência e a rapidez no registro de produtos."

LUIZ NISHIMORI, deputado (PR-PR), relator da Comissão Especial que Regula Defensivos Fitossanitários da Câmara dos Deputados e relator da comissão que analisa a reforma da Lei dos Agrotóxicos (Lei nº 7.802/89)

"Procuramos harmonizar as leis já existentes que limitavam a extensão do prazo apenas para os agricultores familiares na inscrição do Cadastro Ambiental Rural (CAR)."

WELLINGTON FAGUNDES, senador (PR-MT) e membro da Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA), que elaborou o relatório inserido na Medida Provisória nº 724, para prorrogar o prazo até 5 de maio de 2017 para a inscrição no CAR de todos os produtores

"A saída de grãos pelos portos do Arco Norte chegará a 26 milhões de toneladas neste ano, contra 19 milhões no ano passado. Isso se deve ao aumento da capacidade de embarque por Miritituba e Itaqui."

EDEON VAZ FERREIRA, coordenador executivo do Movimento Pró-Logística de Mato GrossoFRASES & COMENTÁRIOS

"O agronegócio está começando a mostrar a sua importância e o caminho para a saída da crise do Brasil."

MARCOS MONTES, deputado federal (PSD-MG) e presidente da FPA, no 15º Congresso Brasileiro do Agronegócio (CBA)

"A dimensão do agronegócio deu grandeza ao País. O Brasil entrou em recessão, mas o agro continuou crescendo, apesar de não manter os patamares anteriores."

MARCOS AZAMBUJA, ex-embaixador do Brasil na França e na Argentina, no 15º Congresso Brasileiro do Agronegócio (CBA)

"O ministro do MAPA, Blairo Maggi, quando não sabe, vai e busca conhecimento. Isso é comprometimento. Ele sabe que o agronegócio carrega o Brasil nas costas."

ANA AMÉLIA LEMOS, senadora (PP-RS), no 15º Congresso Brasileiro do Agronegócio (CBA)

"Importar grãos de café pode ocasionar a entrada de pragas já erradicadas no País. Muitos países não seguem as mesmas regras trabalhistas e ambientais do Brasil. É um perigo e risco fitossanitário para a cafeicultura e outras culturas."

SILAS BRASILEIRO, presidente do Conselho Nacional do Café (CNC)

"Apesar de sermos o principal fornecedor de alimentos à União Europeia (UE), há barreiras tarifárias, sanitárias e fitossanitárias que restringem as nossas exportações. Precisamos ampliar o acesso de produtos agropecuários ao mercado europeu e concluir o acordo de livre-comércio entre MERCOSUL e UE."

JOÃO MARTINS, presidente da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), em encontro com o novo embaixador brasileiro junto à UE, Everton Vieira Vargas